GALERIA DE FOTOS (por Willian Headbanger)
Texto Willian Headbanger

Em um domingão infernal  foi realizado em Jaboatão a segunda edição do evento Proclamação do Rock, desta vez com as bandas: Projeto Macabro, Horror Face, Destiny Old Die, Alcoholocausto, Lepra, Confounded, Necroholocausto e Final Creation.

Como o show começou bastante cedo para um evento num dia de domingo, não foi possível eu ver a apresentação da Projeto Macabro e a Horror Face já estava no meio de sua apresentação quando cheguei, então nossa resenha perderá um pouco de seu conteúdo devido a este fato. Não era muito mais que 15h mas mesmo assim, na apresentação da Horror Face, já tinha bastante gente. Foi possível eu ver apenas duas músicas dessa grandiosa banda de Death Metal daquele município.

A terceira banda foi a Destiny Old Die, uma banda de Death/Doom  que conta com dois integrantes do Horror Face (o baterista Milton e o guitarrista Jhon), além do baixista Clayson, o tecladista Ricardo e o vocalista Fabio. Começaram a apresentação com a música “Suffering in Silence”, do recém lançado demo '...Long Tears'. Essa foi a segunda apresentação da banda em divulgação deste material. Além das músicas dessa demo ainda tocaram um cover do Crematory e uma do Amophis. A apresentação teve um feedback positivo do público tanto dos que já conheciam a banda como os que estavam vendo pela primeira vez. Esta banda, sem dúvida, já está chamando a atenção de muitos que tem os olhos no underground.

Os insanos do Alcoholocausto foram a quarta banda a se apresentar. Ficou nítido que a banda já tem um bom público garantido e eles logo conseguiram fazer a galera formar rodas violentas, que duraram, praticamente, a apresentação inteira. A banda trabalha com um Thrash Metal bem diferenciado, com explorações de vocais rasgados e um instrumental bastante agressivo, que agradou a muitos.

Os caras do Lepra foram  a quinta banda a tocar no evento e como em Jaboatão tem muitos bangers que curtem vários estilos, o Lepra também teve seu público. E tanto a banda como o público se divertiram. Como sempre teve a famosa roda e como a proposta dos caras é fazer um Grindcore não tinha como não instigar. Uma ótima apresentação dos caras.

A sexta  banda foi o Confounded , que também teve seu publico, que dessa vez instigou mais que nas apresentações anteriores no Recife, pois dessa vez não teve apenas pessoas observando, muito pelo contrário os bangers bateram cabeça de verdade e abriram roda. O público de Jaboatão mostrou como se diverte. A banda toca um Death Metal um pouco diferente, um pouco mais moderno do que estamos acostumados a ver, mas muito bom. Ainda rolou um  cover do Cannibal Corpse,  com a participação de Erik, vocalista do Desalma.

A penúltima banda foi o  Necroholocaut. Os caras vem com um Brutal Death Metal de primeira linha. A banda atualmente conta com dois integrantes do Infested Blood, o baterista Beto Santos e o baixista Carlos Eduardo, ainda conta com Carlos Oliveira na  Guitarra e o dono de um dos vocais  mais fuderosos do estilo, Pedro Tomaz. A banda agradou, mas muitos ficam mais admirando a velocidade com que eles conseguem tocar.  Ainda rolou um mosh. Quem ficou pra ver a apresentação certamente não se arrependeu.

A última banda da noite foi a Final Creation,  já era quase 21h e muitos já tinham ido embora, mas quem ficou curtiu. E por fim todos curtiram, desde o público até os produtores do evento. A Final Creation trabalha um Death metal, cheio de passagens técnicas agregada a agressividade. Já tinha visto os cara antes, mas posso garantir que agora eles estão melhores.

Arena Metal parabeniza  a todas as bandas pelas  excelentes apresentações.

Resistência Metal.

<< Voltar ao Site