Foi realizado na Sexta Bomber, dia 14 de maio, no Bomber Rock Bar a primeira parte da maratona de bandas, nesta fase participou as bandas:  PUSSYHOUSE, DUNE HILL, ANTROPOFAGIA e R. I .P SOLDIER. 

A banda de abertura foi a DUNE HIILL, com um hard rock de primeira, os caras demonstraram um ótimo entrosamento e performance no decorre da apresentação, com suas boas composições: “Seize The Day” e “Soul Love”, para completar ainda o set list, os covers do Queem, Whitesnack e Bon Jovi.  De certeza, agradou a grande parte do público, por que não dizer todos ali presente? Foi, de fato o que aconteceu, sem sombras de dúvida, uma ótima apresentação.

 

 

E a vez do tributo ao hard rock com a banda PUSSYHOUSE, com muita competência e com o psicopata do Gustavo na guitarra, os caras prestaram belo tributo e “fuderam” todo a casa com todos os clássicos que honram a noite, foram esses: Psycho Circus (Kiss) - Runaway (Bon Jovi) - You Can't Stop Rock N' Roll (Twisted Sister) - Rock The Night (Europe) - Monkey Business (Skid Row) - I Wanna Be Somebody (W.A.S.P) - You Shook Me All Night Long (AC/DC) - Purple Haze (Jimmy Hendrix) - Dream On (Aerosmith) Stone Cold Crazy (Queen) - Girls, Girls, Girls (Mötley Crüe) - Black Night (Deep Purple) este último numa Versão Mais "Porrada", mais nada a declara. Um show PERFEITO. 

 

 

Chegou a hora mais pessada da noite, sobe ao palco do bomber o ANTROPOFAGIA, infelizmente a maioria do público se retirou  após  o show  da  Pussyhouse, mas nada que tirasse a empolgação dos caras, que com seu Death Metal/Grind, rolou: Psicopata Suicida – Coprofobia (pra quem não sabe o que significa pesquise) – Matar ou Morrer – Cú, dentre outras. Uma execução perfeita do estilo, mostraram que não estavam de brincadeira, moendo o público que ficou pra assistir sua apresentação, foram bastante músicas, algo pra deixar todos mortos. 

Dando continuidade a pancadaria os cara do R.I.P SOLDIER,  com seu Thrash quase Death, continuou colocando os bangers de plantão pra moer com ótimas composições, aproveitando pra mostra o lançamento do seu CD (The True Soldiers Never Die), eles detonaram foram as: atrocity - bloody nightfall - honored in death - r.i.p. soldier (faixa hino) e outras. Apesar do desfalque do baixista, os caras mandaram muito bem, mas confesso que eu achei um pouco estranho o cover do MOTORHEAD sem baixo, afinal é todo grave da música, fora isso, parabéns caras. 

 

 

 

Agora a organização, sinceramente... Parabéns! A organização do evento por proporcional grandes show de grandes bandas pernambucanas. Apesar que a cerveja poderia ser mais barato. Estão todos de parabéns!

                            

                           Texto por Willian Headbanger -  Edição Hugo Veikon - Fotos por Dezza ganny