Bandas: SAGA HC

Categoria: HardCore

Ano: 2016

Os pernambucanos do Saga HC já estão na estrada há um bom tempo, mas só de uns dois anos pra cá que saíram do underground mais profundo e ganharam mais visibilidade. Coincidentemente nesta nova etapa eles expandiram muito os horizontes ao serem vencedores do festival Amp, que anualmente abrange diversos estilos em período pré-carnavalesco. E um dos frutos desta vitória foi o lançamento deste ep, intitulado “Mais Consciente, Mas Agressivo”, com oito faixas curtas (somando 21 minutos de som) e todas as faixas em português eles passam as mensagens curtas e grossas.

Já no começo da faixa-título vemos que eles não pouparam em termos de produção, principalmente na bateria de Paulinho e no baixo de Marcelo. “Na Pressão” tem influências mais modernas, possivelmente trazidas pelo guitarrista Kléber, enquanto “Por Onde Você Anda” começa mais melódica, com bons solos de André e descamba para a pancadaria, muito por ‘culpa’ do vocal de Beto, que xinga aqueles que não conseguem entender diferenças. Em “Orgulho Ferido” eles cutucam aqueles que tem preconceito com tudo. O som em si tem até umas alavancadas menos características do hc, mas que encaixam de maneira muito coerente.

Minha favorita do cd é “Fúria”, cujo som reflete bem o título. Em um minuto e meio eles expressam que não podemos aceitar tudo sem ter nossas próprias opiniões. Já “Ilusão Social” tem uma levada inicial bem melódica, mas os caras aceleram em algumas partes e fazem um som muito interessante, pois podemos ouvir também influências de hardcore e, novamente, new metal. Interessante é que eles conseguem encaixar tudo isso sem perder a pegada. A faixa seguinte, “Mude Seu Rumo”, tem refrão coletivo e um interlúdio muito legal. A última faixa do ep é “Reset”, que tem uma letra muito alto astral, incentivando as pessoas a lutar depois de cair.

Os únicos detalhes do trabalho que poderiam ter sido melhorados são a falta de encarte com as letras e informações complementares e uma embalagem melhor que a atual modelo envelope (que eu, particularmente, acho muito mais voltada para trabalho de divulgação apenas), mas no geral os caras acertaram a mão.

Cheers!!!!

(por Léo Quipapá)

                                               << Voltar ao Site