Banda: NERVOCHAOS

Categoria: Death Metal

Ano: 2013

Vouyer do metal! É exatamente assim que nos sentimos ao assistir o DVD 17 Years of Chaos, do NERVOCHAOS, pois nele vemos o prazer de uma banda estar na estrada e nos deleitamos neste prazer alheio. É o que mostra este box com dois DVDs, que ainda acompanha um CD.

O Nervochaos tem uma grande importância na cena nacional assim como a cena tem seu valor para a Nervochaos. Parece até brincadeira o que falamos aqui, mas é óbvio que ambos se merecem, pois ambos se ajudaram. A NERVOCHAOS foi gerada a partir de uma separação da banda Siegrid Ingrid, e graças a esta separação surgiu a perturbadora carreira da 'Nervo', banda esta que levou o nome do Brasil pra fora deste submundo.

O DVD 1 mostra, em forma de documentário, a trajetória da banda desde seu começo. Tudo narrado por Edu Lane, integrante remanescente desde a formação da banda. Mostram de forma bem apurada toda a dificuldade que a banda encarou em suas formações, toda a troca de integrantes desde a primeira formação em setembro de 1996, passando por Marcelo Miranda, Thomas, Sidney, Gubber. E aquele ano foi, sem dúvida, marcante, pois nele a banda surgiu, gravou sua debut demo e já chegou mandando em show, inclusive tocando ao lado de bandas renomadas na cena atualmente, uma delas a Krisiun, que na época lançava seu debut oficial "Black Force Domain". No ano de 1997 a luta continuava e conquistas também. Depois veio seu debut oficial, em 1998, mas com uma formação rompida, apenas um trio. Tocaram ao lado de mais bandas renomadas da cena mundial, como Korzus, D.R.I... Ainda se fala até da criação do logotipo da banda, criado por Rafael "Pica Pau" (RDP).

O DVD consta com o depoimento dos diversos músicos que já passaram pela banda: Gordo, Hareton, Thomas, Cesar Coveiro, Waltão, TJ, Thiago "Anduscias" (Amazarak), Fábio, Daniel Blasphemoon, Alan, Vinícius, Wellington... As várias participações especiais de músicos de outras bandas para o "Quarrel in Hell", o primeiro material que ganhou um requinte especial de 'splicase' nas primeiras mil cópias. O primeiro momento importante na carreira da banda fora do país, sua primeira Tour para Europa, 2008, que se repetiu em 2011.

Apesar de todas essas alterações de formação a Nervochaos nunca teve um intervalo longo entre lançamentos, nem parou de fazer shows, mesmo em aparições sem baixista. "Batallions of Hate" é mais um material da banda e uma obra prima para a cena nacional, outro cd que recebeu um formato especial.

O DVD 1 ainda tem alguns bônus, sendo duas versões ao vivo de "Putrid Pleasures" e "Cold Feeling", mas alguns depoimento de Edu falando do artistas gráficos com a banda, e ele fala com um tom mais de fã de Joe Coleman, artista Norte Americano, que é o responsável pelas três demos tapes. E outro, que o Edu fala que sempre admirou foi o Joe Petagno. E também lembra do Rafael Tavares, artista responsável pelas artes das camisas.

O DVD II, Warriors on the Road, falar um pouco sobre a produção do "To the Death", que foi em várias regiões do Brasil e a rotina pesada que a banda passou para realizar a produção deste material, lançado em 2012, regada a muita blasfêmia. Com depoimentos de quem entende de música do segmento: Victor Gala (tec. som), Antônio Araújo (Korzus), Jão (RDP), Cherry (Hellsakura), Zhema (Vulcano), Alex Azzali (tec. som), Lucianno Piantonni (Hard and Heavy), Alex Camargo (Krisiun), Zood (Rádio Evil), Felipe (Unearthly), Xandão (Andralls) , tudo narrado com intervalos contendo imagens de algumas apresentações da banda por vários lugares, usando vários takes de câmeras diferentes. Os momentos na estrada é um registro que nenhuma banda deixaria de fazer e é exatamente o que a banda captura em várias regiões do Brasil e fora do país, exatamente assim dividido os momentos no Brasil e fora. Frase interessante falada por Edu é: "Você está constantemente sendo testado, pra ver até onde vai esse teu amor, esse teu idealismo pelo o que você está fazendo".

E pra completar o CD com 4 faixas ao vivo do "To the Death", gravação muito boa, e ainda as três demos: "Necro Satanic Cult", "Disfigured Christ" e "NervoChaos", exatamente assim, de forma regressiva, ou seja são 16 faixas pra atormentar seus ouvidos.

Agora vamos para os detalhes da arte, como tudo até aqui já foi perfeito, as artes não ficam pra baixo. No DVD tem uns 'ilusta' que estampam algumas cenas narradas. Algumas tão engraçadas quanto as histórias. O Digipack muito bem elaborado, com estampas de cartazes e fotos desses 17 anos. Um livreto completando essa estampa com mais fotos e cartazes, e a biografia da banda em dois idiomas (português e inglês). O material é um Box para quem realmente é colecionador e/ou admirador da cena nacional ou apenas da banda.

Bem, a NERVOCHAOS mostrou que quem anda com eles corre o risco de ser registrado e ser alvo de voyeurismo.

FACEBOOK - SITE

(por Hugo Veikon)

                                               << Voltar ao Site