Banda: MAD OLD LADY

Categoria: Hard Rock

Ano: 2012

O Mad Old Lady surgiu após a decisão do músico Eduardo Fagundes seguir uma linha mais Hard Rock. Mas a banda também tem nuances de Viking e outras vertentes do Rock'n'Roll.

O material contém 10 faixas muito bem gravadas, que por sinal foi mixado no ICP Studio na Bélgica, por Michel "Shelle", que também já trabalhou com várias bandas renomadas.

Mas vamos ao som da Velha Dama Doida. Para quem curte um hard rock recheado de arranjos em seu background o CD "Viking Soul" é um prato cheio. As músicas de abertura "Blances in The Dark" e "Power of Warrior" nos reafirmam isso. Tem músicas que nos fazem lembrar de bandas progressivas como Pain of Salvation, sobretudo pela aplicação dos agudos (isso é possível conferir na faixa "King").

A exploração de instrumentos é clara  nas faixas "Prision", "My Heart" (tema típico de um Hard Rock: falando de amor sobre um homem que se apaixona...) e "Mad Train". Essaúltima citada me fez parar e repetI-la umas cinco vezes seguidas. Ela me faz pensar em tantas coisas, desde um bar com meia luz a uma banda tocando um blues.

A banda parece ter uma atração especial pela faixa "Far Way", porque a letra da música é curtíssima, mas tem um arranjo bem encorpado de piano e mais na frente há uma versão com a pianista Walkyria Passos Claro (que também é professora), que aos seus 89 anos de idade deu uma atenção especial à banda.

O trabalho gráfico da banda é bastante interessante, com encarte em livreto e com todas as letras estampadas. Parabéns à banda pela qualidade.

Site Oficial: [aqui]  -  Facebook [aqui]

(por Hugo Veikon)

                                               << Voltar ao Site