Banda:JUSTABELI

Categoria: Death /Black Metal

Ano: 2015

Aqui se trata de um avanço. Este último lançamento do JUSTABELI, intitulado de "Cause the War Never Ends...", cujo tema é a guerra que ainda continua. A capa do álbum também vem com ilustração 'war' novamente, mas o que temos agora é uma banda que faz um som death com black metal, com uma qualidade musical melhor e também com uma produção muito superior ao que já fizeram anteriormente.

O interessante, bom e importante é que a banda não mantém um padrão linear nas músicas e isso é uma chama a mais para o material ser atrativo, porque cada faixa tem sua particularidade; algumas mais extremas, outras mais cadenciadas, porém todas sempre violentas, porque eles conseguem juntar esses dois elementos, tal como uma espada em um corpo.

O álbum começa com “Die in the War” que chama a atenção e faz de uma forma típica de bandas mais antigas, com o refrão sendo o nome da música. Importante dizer que você ouve cada instrumento. “Soldiers of Satan” vai direto ao ponto e já começa na agressividade, com todos de uma só vez, com riffs cortantes, bateria mesclando cadência com velocidade e um vocal rasgadão. Outras que tem um climão Death/Black são “Infected by Radiation” e “Divine Fall” (que tem, inclusive, até aqueles vocal vikings). Como o tema é guerra, dificilmente uma banda deixaria passar batido passagens com rufadas de caixa e assim começa a faixa título, "Cause the War Never Ends..." e assim começa esta ode. A música tem uma ótima atmosfera, mais calma e cadenciada, mas a cipoada volta na única faixa cantada em português, “A Face da Morte”, que começa com a sirene de alerta de ataque de bomba, com uma pegada mais death metal.

O material é ideal para os que gostam dessa mescla Death/Black. Não é nenhum material surreal, talvez não se torne um clássico, mas é elegante e dá vontade de ouvir novamente.

(por Hugo Veikon)

                                               << Voltar ao Site