Banda de Heavy Metal, do município de São José do Egito,
mostrando seu potencial musical e ótimas influências.

Arena Metal - Salve Thiago e Amigos da Metal Milícia, bem conte-nos desde quando a banda está na atividade no Metal, e como funcionou o recrutamento dos músicos?
Metal Milícia- Primeiramente, muito obrigado pela oportunidade que está nos dando de divulgarmos nosso trabalho e muito obrigado pelo apoio tocando nossas músicas em sua rádio, pode ter certeza que é uma honra para nós do Metal Milicia... Bom como posso responder essa pergunta já que estou apenas a 2 anos na banda? Até onde sei Derivan  fazia parte de uma banda chamada RYU(R e U) Fernando, fazia parte de uma banda chamada coesão sonora e Carlos Veras (carlinhos) só fazia “zuada” na garagem juntamente com David..e eu..um ‘muleke’ doido por metal q curtia as bandas sem um dia imaginar q estaria fazendo parte de umas delas futuramente, e quando essas bandas entraram em decadência aconteceu a fusão desses músicos com exceção de mim lógico, e foi onde surgiu Metal Milícia.

Arena Metal - Soube que a banda quando foi fundada tocava em eventos raros que ocorrem por ai, nos eventos de Motociclistas, em Tuparetama/PE. Esses eventos ainda ocorrem? Vocês ainda tocam por lá? Qual a frequência de bandas do Gênero Metal nesses eventos?
Metal Milícia- Pois bem, quando a banda se iniciou teve um apoio muito importante do moto clubes da região, alguns desses eventos ainda acontecem principalmente os encontros de motociclistas, embora não seja com tanta frequência com antigamente o evento ainda acontece, às vezes tocamos às vezes não, pois somos profissionais em outras áreas, todos nós trabalhamos e tocamos mais por hobbies, e as bandas que sempre estão nos encontros é o R4 da cidade de Desterro-PB, sempre que somos chamados também comparecemos, pois sabe como cidade de interior é, eles também colocam muita banda de forró para agradar o público em "geral", pois já que é evento de rock não vejo necessidade de colocar bandas desse gênero, geralmente não existe banda que sempre está no evento em si, os organizadores do evento dão oportunidade para as bandas em si e variam nos estilos e nas bandas...Nem sempre somos nós, mas sempre comparecemos quando solicitados.

Arena Metal - Então quer dizer, tocar lá na verdade abriu as portas para banda mostrar seu som aos apreciadores do estilo Metal ou Rock? Quais outras cidades vocês costumam tocar por essa área da Região do Pajeú?

Metal Milícia - Bom... Nosso estilo agrada mais aos fieis do Heavy Metal, pois nosso som é "pesado" para alguns ouvidos que não conhecem o estilo, anualmente quando tem eventos independentes por aqui tocamos, não com tanta frequência que queríamos, mas tocamos em cidades como Itapetim, Santa Teresinha, Tuparetama,

Tabira, Patos-PB, Serra Talhados e Afogados da Ingazeira onde temos muitos admiradores do estilo e de nossa banda.

Arena Metal - E foi exatamente com uma galera daí, e com outra galera de Afogados da Ingazeira que tive conhecimento da banda Metal Milícia, quais as bandas dessa região que você pode destacar e que vocês podem oferecer para quem sabe uma suposta apresentação por aqui em Recife, junto com vocês?
Metal Milícia - Cara, tem o R4 de Desterro-PB que toca um rock nacional legal, tem o aracnofobia de Santa Teresinha-PE, que toca um Punk Rock Nacional maneiro e tem também o S.O.S fígado banda de rock nacional que manda um som legal.

Arena Metal - Bem, agora mudando de assunto, vamos ao material fonográfico lançado, o material foi o “Militia of the Dragon”, que ano foi o lançamento desse material e como tem sido a repercussão do mesmo? Ele tem sido divulgado por todo país ou a banda se fixou mais por aqui mesmo?

Metal Milícia- Bom, o “Militia of the Dragon” foi lançado em 2006 e foi bem visto pela galera em geral da região, na época repercutiu bem, mas faltou divulgação, porém atualmente o CD está sendo bem divulgado através da internet e pessoas não só do Brasil, mas do mundo inteiro já pode ter acesso a nosso material baixando nosso CD, embora que ainda pouca gente conheça nosso trabalho, já tivemos alguns downloads na Europa, nos EUA, Canadá, Espanha, Bélgica, França e alguns dowloads em território nacional também.

Arena Metal - Eu, particularmente, já fiz meu download também (risos).  Notei que ele consta um Heavy Metal bem Progressivo e muito bem executado, nas 9 faixas uma é cover do Deep Purple, qual o motivo desse cover?
Metal Milícia - Devido ao impacto que essa música causa as pessoas, sendo elas fãs do Deep Purple ou não, a música é um clássico de uma banda clássica, foi isso que levou o Metal Milícia a gravar um cover dessa banda, foi mais uma homenagem ao classic metal.

Arena Metal - Apesar da banda se rotular como Heavy Metal, eu senti elementos bastante Epic Heavy Doom, naquela linha Cadlemass, esta banda faz parte de inspirações na hora de compor?
Metal Milícia - Na verdade nossa inspiração foi com bandas que marcaram época como, Dio, Black Sabbath, Judas Priest, Iron Maiden entre outras bandas.

Arena Metal - A capa do álbum passa realmente algo bem Épico, sobre o que decorrerem as letras? E quem foi o criador da obra gráfica?
Metal Milícia - Abrangemos vários temas desde o medieval ao abstrato, e o criador da capa foi nosso amigo Geilson vocalista do Aracnofobia.

Arena Metal - O Metal em si é um estilo de música obscuro, qual o posicionamento da banda se tratando de doutrinas?
Metal Milícia - Não seguimos nenhuma doutrina relacionada.

Arena Metal - Por fim gostaria de mais uma vez agradecer o tempo cedido a nós e gostaria que deixassem as possibilidades da banda se apresentar por essas estradas pernambucanas, nordestinas e brasileiras.

Metal Milícia - Gostaríamos de agradecer pelo espaço cedido á nossa banda, mandar um salve para Valterlir do Metalvox que inclusive já nos entrevistou também, mandar um salve pra a galera da FUNDARPE pela oportunidade que vem nos dando e dizer que estamos ai, ansiosos por novos eventos e sempre dispostos a tocar seja no Brasil ou fora dele.

Site: http://www.metalmilicia.tk

                                                                                             (Por Hugo Veikon)

<< Voltar ao Site