CRUCIFIXION BR, banda fundada em 1996 no Rio Grande do Sul, renovou o cenário do metal extremo brasileiro desde sua formação, com a proposta de fazer um black metal original, através de influências do thrash oitentista e death metal, mantendo como essência a raiz do black metal. A banda acabou de lançar em agosto de 2011 um EP contendo três faixas do novo álbum pelo selo Satanica Productions (Nova Zelândia), e também distribuído por Profanação Metálica Distro (Cuiabá, MT), que marcará a divulgação nacional e mundial deste novo trabalho, alicerçando a nova etapa de CRUCIFIXION BR no cenário extremo global. Vejam a conversa do Arena Metal com esta banda do Rio Grande do Sul.

Arena Metal - Bem, primeiramente agradecemos a participação da banda aqui no site Arena Metal e aqui está mais uma prova que a CRUCIFIXION BR vem rompendo barreiras. Vamos ao que interessa, gostaríamos de saber como tá a cena Metal Gaúcha de shows, sobretudo para a agenda da CRUCIFIXION BR?
Márcio Guterres – Lord Grave War:
  Eu q agradeço a vcs a oportunidade de estar aqui expressando e divulgando a Crucifixion BR a mais reais adeptos do metal extremo e da obscura arte, em relação a cena daqui, ela existe sim, mas não anda tão forte, quando a horda veio pra cá em 2004 era bem mais forte a cena, tocamos em vários festivais em porto alegre e região, hoje em dia há muita desunião mesmo, nós não estamos sendo convidados para festivais aqui em Poa e grande Poa, nem quando corremos atrás de algum show, as portas andam um pouco fechadas pra nós atualmente, não entendo o porquê disso. Estou sendo sincero, não me interpretem mal os reais seguidores da música extrema e da obscura arte da região, sei quem são os verdadeiros, e estamos nessa batalha até hoje, são pelas pessoas que apreciam a verdadeira exencia do metal, com muito ódio, luta e desabafo em forma de música. Ainda em relação à cena do RS, no interior o pessoal é muito foda, respectivo e brutal nos shows, também agitam pra caralho, descarregam tudo o que sentem com a gente, se identificam muito. Isso é uma honra pra nós, como também foi em Santa Catarina, fodido. Ódio e blasfêmia extrema!
Juliana Novo - DarkMoon:
por agora temos o nosso show de lançamento do EP “War Against Christian Souls”, que será dia 3/09 aqui no Garagem Hermética em Porto Alegre, e estamos no aguardo para confirmar a abertura para uma banda conhecida, em dezembro, no Opinião.

Arena Metal - Fazer shows é sempre recompensador pelo fato de você divulgar o material e poder fazer amizades, mas como foi ter participado do show do grande nome do Death Metal Brasileiro, KRISIUN?
DarkMoon:
foi muito afudê, uma noite especial com certeza! Inclusive o Max viu parte do nosso show e me cumprimentou depois, quando fomos no camarim deles. Trocamos idéia com eles numa boa, principalmente o Márcio com o Max, ele nos parabenizou pelo trabalho, e disse pra nunca desistir por mais foda que seja.

Lord Grave War: Krisiun foi foda, acompanho a carreira deles desde novo, desde o Unmercyful Order, pra mim foi uma honra mais q especial, eles foram nota 10 conosco, humildes sem se achar o foda ou  estrela, nos tratou de igual pra igual. Sendo fã de longa data, e conhecendo pessoalmente com esta receptividade vinda deles, se tornaram ainda mais especiais pra mim, Black force Domain.

Arena Metal - Tire-me uma grande dúvida. De 2007, que foi o ano desse show com a KRISIUN, a banda CRUCIFIXION BR só lançou um EP, Eternal Judgement, porém já li sobre o lançamento do material “Destroying The Fucking Disciples Of Christ”, esse material realmente foi lançado, porque não vi nada sobre este material?
DarkMoon:
Esta informação está totalmente incorreta. Em 2007 nós não lançamos nada. Em 2008 começamos a gravar o álbum Destroying The Fucking Disciples Of Christ, o qual concluímos apenas em março de 2011. Deste material, que ainda não foi lançado, decidimos lançar um Promo EP chamado “War Against Christian Souls” com 3 músicas, para  ajudar a divulgar  o nosso som pelo mundo afora, antes de revelar o nosso álbum propriamente dito. A propósito, gravamos anteriormente 2 demos chamadas: “Diabolical Profecies”, e “In The Shadows Of The Obscurity”, em abril de 2002, tendo um sueco na formação da época.

Arena Metal - A internet está ai ligando todos, mas qual é o conhecimento dos membros da banda para com a cena metal Nordestina? Tem algum vinculo com bandas ou produtores? Até porque vi em uma dessas páginas de internet a seguinte frase: Não confundir com a Cruxifixion de Recife/PE.
DarkMoon:
Nós já trocamos idéia com o pessoal da banda Malkuth, e da banda Destruindo Sacramento, mas realmente não possuímos muita informação sobre as bandas nordestinas, mesmo assim ouvimos falar sobre a cena nordestina que é bem forte, tendo muitos apreciadores do Metal Negro. Inclusive estávamos ansiosos para tocar num evento em Aracajú neste ano, mas que foi infelizmente cancelado. Nós definitivamente nos sentiríamos honrados em tocar para os bangers do nordeste em algum festival. E eu já vi esta informação num site de Metal, não fomos nós que publicamos. Acho que se existiu esta outra banda, não durou muito, pois nunca achei nada sobre eles. Mas sabemos de duas outras bandas de fora do Brasil, de nome Crucifixion, uma americana de thrash/death, que já acabou, e uma alemã de Black metal, acredito que também encerrou suas atividades. Mesmo assim o Lord Grave quis continuar com a homenagem a esta grande música do Sepultura, então tivemos a idéia de acrescentar o “BR” no nosso nome, e incorporamos até no nosso logo, para identificar a Crucifixion do Brasil.

Arena Metal – Bem, essa nossa conversa começou antes de vocês confirmarem participação no show da Dark Funeral, esse show veio consagrar o lançamento do material War Against Christian Souls. E a pergunta finalmente é como tá a divulgação desse material fonográfico e se ele vem abrindo portas tais como esta do show com a Dark Funeral?
Lord Grave War:
Sim com certeza, o pessoal daqui do Brasil tanto quanto do exterior está achando do caralho as músicas e o resultado final da obra, estamos recebendo ótimas resenhas sobre nosso EP. Entramos em contato com o pessoal do Dark Funeral, e eles aprovaram a Crucifixion BR como banda de abertura aqui em Porto Alegre para a mais recente tour deles, vai ser uma puta honra dividir o palco com Dark Funeral.
DarkMoon:
Pois é, com esse material muito bem gravado e produzido, surgem mais oportunidades para nós! E aumenta o respeito pela banda, tanto aqui quanto lá fora. Pra você ter uma idéia, nosso som tem rolado em diversas rádios, tanto daqui quanto na programação normal da rádio Revolta da Polônia e de algumas dos EUA e em Portugal, e estivemos participando ao vivo, tanto presencialmente quanto via Skype, de algumas rádios do Brasil como a rádio Exmera de Guarulhos/SP, o Programa Holocausto de MG, a rádio Metal Generation de Sorocaba/SP, o Programa Metal Celebration da rádio Fátima de Canoas/RS, e o SOS Metal Radio Show da rádio Antena Minho de Portugal, e quem sabe mais adiante participar ao vivo de alguma rádio estrangeira.

Estamos também esperando resenhas de alguns sites e revistas de Metal dos EUA, Reino Unido, Holanda e em breve dando entrevista para um site de Metal da Finlândia, que também vai resenhar nosso CD. E há promessas de shows no ano que vem, em SP e no Rio de Janeiro, estamos tentando entrar em negociação com vários produtores para aproveitar a viagem. Enfim, estamos tentando promover de todas as formas possíveis.

Arena Metal – Somos grandes parceiros do Programa Holocausto de Minas Gerais e apesar de eu não gostar muito de rede social, sempre que faço uma visita encontro alguém da banda nessas redes, a banda vem investindo nessa ferramenta?
Lord Grave War:
Sim com certeza , a nossa baterista é que está por dentro desse aspecto que mexe mais com esse meio tecnológico, divulgando a Crucifixion BR por todo lado do mundo através myspace etc...
DarkMoon:
Com certeza, a internet é o melhor meio de se divulgar aqui e lá fora hoje em dia, e como eu sou muito ligada à informática, fico cuidando dessa parte, e também da parte de relacionamento com o pessoal de várias partes do mundo que entra em contato conosco e que confere e respeita nosso trabalho, e também com possíveis parceiros da mídia especializada, sejam rádios, zines, revistas, etc. Inclusive em breve estaremos com um Website oficial no ar, centralizando todas as informações sobre a banda que encontram-se espalhadas pelos perfis que possuímos virtualmente, seja Myspace, Facebook, Youtube, Last.FM, Orkut etc.

Arena Metal – O material War Against Christian Souls vem com apenas com 3 faixas, como vocês mesmo disseram. Eu quando vi este EP notei que ele tem um aviso dizendo que são faixas do material vindouro. E ai, vocês podem adiantar quando esse material será lançado?

Lord Grave War: Estamos divulgando primeiramente este EP, esperamos receber várias  resenhas, entrevistas, enfim fazer uma boa divulgação e ver se aparece alguém interessado em trabalhar com a gente para lançar o álbum completo, acredito que no próximo ano estará tudo ok, já com o disco por aí afora!

     

DarkMoon: Pois é, conforme a repercussão do EP, que foi lançado pelo selo Satanica Productions da Nova Zelândia, estaremos contatando outras gravadoras para negociar o lançamento do álbum para o ano que vem.

Arena Metal – Sei que essa é uma pergunta de praxe, mas é sempre interessante saber do que falam as bandas de Metal em suas letras, quando não tocam Melódico (gênero que fala de muita coisa utópica). Vocês sobre o que abordam? War com satanismo?
Lord Grave War:
Sobre as letras sou eu que escrevo, minha visão é bem pessoal mesmo. A igreja é uma doença, uma forma de manipulação, um comércio, uma hipocrisia generalizada. Tenho minha própria visão do ocultismo e minha própria filosofia anti-cristã, não seguindo dogmas nem nenhuma coisa do tipo. Me espelho nesses aspectos para escrever as letras da Crucifixion BR. Admiro o ocultismo, mas sem extremismos.

Arena Metal – O Black Metal já teve seu maior reconhecimento na cena nacional, tanto em relação a bandas, quanto em relação a magazines, cito como exemplo “A Obscura Arte”, Vocês ouvem o Thrash Metal? E o que vocês podem declarar sobre o separatismo de certos subestilos do Metal para com o Black Metal?
Lord Grave War:
Sim ouço com certeza, se não fosse o heavy metal tradicional não existiria o thrash, se não existisse o thrash não existiria o death metal, assim por diante, todos esses estilos que citei tem a aura que o metal verdadeiro em geral tem que ter, assim como o Black metal que é uma evolução da forma mais extrema dentro de todas essas subdivisões!
DarkMoon:
eu também escuto várias bandas dentro das subdivisões do metal tradicional, e concordo que os estilos estão interligados, pois são evoluções da mesma raiz.

Arena Metal – A banda gostaria de estourar como uma banda headliner ou viver mesmo no undergound?
Lord Grave War:
Nosso objetivo é tocar e alcançar maior público possível, lutar com todas as forças pra isso acontecer, tocar em todo lugar no Brasil e fora dele, levantar a bandeira do nosso estado RS e de nosso país, em prol da obscura arte e metal extremo por todo lado! Este é o objetivo e meta da Crucifixion BR!

DarkMoon: Acho que todos que estão nesta cena sonham ou já sonharam em estourar, e atingir o público em massa deste estilo, pois a resposta do público é muito gratificante, assim como o respeito e reconhecimento por outros profissionais do estilo. E é algo que dá orgulho, ver alguém do seu país vencendo todas as dificuldades e estourando lá fora como foi com o Sepultura e o Krisiun.

Arena Metal – Vou finalizar essa última bem diferente, vou pedir pra que vocês digam o que vocês gostariam que rolasse como música nos seus funerais? E deixem uma questão pra mim, o que desejarem perguntar.
Lord Grave War:
Poderia ser uma música nossa, “Crucifixion” que está presente no nosso EP...Uma questão! Como está a cena em relação a show, público etc por aí? Um Forte Abraço pra ti e para todos os apreciadores do metal extremo e obscura arte! Stay Brutal, Ave Sathana!
DarkMoon:
Olha, na verdade eu gostaria que tocassem pelo menos 2 músicas abrangendo o meu trabalho musical, poderia ser a “Destroying The Fucking Disciples Of Christ” do EP da Crucifixion BR, e uma música da minha outra banda Noctis Notus, chamada “Scarlet Storm”. E como questão, gostaria de saber as suas impressões ao ouvir o nosso som pela primeira vez. Muito obrigada pelo seu apoio e interesse em nos dar a  oportunidade de divulgar a banda no seu site! Força pra ti, abraço!

RESPOSTA ARENA METAL (Hugo veikon):
Neste ano a quantidade de shows estavam em bom número, e a grande maioria deles eram realizados no Bomber Rock Bar, mas essa casa fechou. Nem sempre o público comparecia, acredito que o motivo dessa falta de público fosse devido a demanda, ou também por ser shows com bandas locais. Mas após o fechamento desse bar, os atuais shows do segmento metal migraram para o Burburinho, onde lá já se realizou o show mais extremo de Black Metal com as bandas Ragnarok e Belphegor, espero ver mais bandas nacionais e também ver um bom número de metalheads como nos velhos temos do Dokas Hall. Agora meu apelo para os organizadores seria: Espero que encontrem um lugar melhor que o 1º andar do Burburinho, porque, em meu ponto de vista, é foda (de ruim) a infraestrutura.

Myspace   |   E-mail: crucifixionbr@gmail.com

                                                                                             (Por Hugo Veikon)

<< Voltar ao Site