Banda: AS THE SHADOWS FALL

Categoria: Black Metal

Ano: 2002


Uma promo gravada ao vivo, em uma sessão de ensaio em 24 de agosto de 2002, conforme relata no encarte elaborado pelo guitar Azriel, outro ponto bem estranho, é uma promo com 6 tracks próprias e 3 covers.

Esta promo bem extensa com diversas partes de blastbeat e como sempre o vocal de Blackthorn, que quando em atividade seria considerado o melhor de PE, mas depois deste lançamento o cara sumiu. As tracks “Demonstorn”, Devouring the Weaks” têm alguns solos e passagens de arranjos de um Black Metal pronfudamente raiz, mas o caixa do baterista e também back vocal Hazred (que mudou de pseudonimo na demo “...for the Rising of a Pagan Age” se chamava Von Zephyr) chega a ficar agudo ao ouvido, ora em compassos quaternários, ora ternário e cadências tradicionais ao Black Metal, sem o extridente vocal acompanhar essas cadências e Blastbeat as faixas “Deepest Blasphemies” e “Ad Bestial!!!” seguem o mesmo caminho ao inferno que as duas primeiras faixas, embora com um back vocal por hora gutural que faz parceria ao fudido vocal de Blackthorn, dando uma atmosfera mais pesada.

A faixa “AS THE SHADOWS FALL” teria de superar as espectativas da Demo anterior, por carregar seu título o nome da Banda, embora com riffs Thrash / Black vocal bem Scream e Back vocal, e cavalcadas de guitarra, e refrões... enfim esta que deveria ser o hino da banda não supera nenhuma faixa da demo de 4 anos atrás, aquela foi o grande momento em minha humilde opinião.

Este promo contem ainda 3 covers da Desaster, Exodus e Destruction, muito bem executada, mas não comentarei nesta, um dia que relacionar a covers, pois estou aqui pra falar das músicas da extinta e nobre “AS THE SHADOWS FALL”, que nos deixou órfãos de bons momentos que já houveram nesta cena. Eles fazia faixas como “...From the Darkned Dreams” e “The Enochian Key”, estas são faixas que devem se prolongar ao mundo.

Parabéns por seus anos nobres, gostaria muito de vê-los voltar e dizer que não é assim que as sombras caem.

Veja também (Resenha Sobre Demo da As The Shadows Fall)

(por Hugo Veikon)