Texto por Ismael Guidson
Fotos por  Renato Tiengo

Após cinco anos do último show do Angra em Maceió, a banda retornou para a capital alagoana fazendo um show para ficar na memória de muitos. Desta vez com a presença do italiano Fabio Lione (Visions Divine/ Rhapsody of Fire) comandando os vocais e para fechar a noite em grande estilo a participação da banda pernambucana Terra Prima, tocando pela primeira vez em Maceió. Ambas se apresentaram nesta última quinta-feira (22.05), no Orakulo para um público louco por metal e que esperaram debaixo de muita chuva a abertura dos portões.

Por volta das 18h30min, ainda havia poucas pessoas na fila, mas as pessoas que compraram o Meet and Greet já se encontravam no local a espera da banda (Angra), depois de alguns minutos o Angra chegou para o Meet, cumprimentando os fãs que lá estavam na fila. O produtor Baffo foi o primeiro a descer da van para conferir algum detalhe dentro da casa, a seguir desce Kiko Loureiro bem humorado e cumprimentando os fãs que estavam na fila. Na sequencia, Lione Andreoli e Confessori e pouco depois Rafael sai brincando com os fãs. Para sorte de alguns e azar de muitos a chuva que já estava prevista caiu, forçando a produção liberar a entrada de algumas pessoas, cerca de dez pessoas conseguiram entrar e outras ficaram vetadas, pois a produção viu que não era viável liberar a entrada, talvez uma falha dos produtores. As pessoas que se encontravam dentro do local do show tiveram o privilégio de ver a passagem de som do Angra, sendo fácil de ver a felicidade no rosto de muitos. A ansiedade era muita naquele local tanto que tivemos notícia de que cerca de seis fãs foram esperar a banda no aeroporto na tarde da quinta-feira.

Depois de muita espera tudo já estava pronto e os portões foram abertos. A euforia era tanta que o público começou a gritar até pelo roadie do Kiko Loureiro: “....uuuh é o careca, uuuh é o careca”.

Logo após já era possível ver os integrantes do Angra se preparando para subir no palco, as luzes apagaram e a Intro começou a tocar. Como já era esperada a banda entrou detonando com a música “Angels Cry” que foi cantada com um belo coro pela a plateia, Fabio Lione mostrou o porquê de está à frente de uma das melhores bandas brasileira do Heavy Metal, depois de tocar “Angels Cry” seguiu-se com “Nothing to Say” e “Waiting Silence” as duas, muito bem acompanhadas pelo o público.

Fabio Lione sempre muito comunicativo conversou bastante durante todo o show com seu “portunhol” instigando e divertindo o público. Então Lione começou a cantar pedindo que o público repetisse. Certo momento elogiou e podemos dizer que fez uma dinâmica vocal com o público cantando em estilo lírico de tal forma que não foi acompanhada pelo público. Seguindo com “Time”, “Lisbon” e “Millennium Sun”.

Continuo- se o setlist com “Winds of Destination”, com Felipe Andreoli cantando a primeira parte da música, e com “Gentle Change”, a plateia não se conteve em estar vendo o show e queria chegar cada vez mais perto do palco sendo que algumas vezes as grades quase caíram. Foi então solicitado pelos músicos que as pessoas se afastassem um pouco para não ocorrer algum acidente. Problemas a parte, Lione passa o comando dos vocais para um dos melhores compositores do brasileiro no meio Heavy Metal, Rafael Bittencourt, daí, então o mesmo conversou um pouco e deu início a música do álbum Aurora Consurgens, isso mesmo “The Voice Commanding You”. Em seus últimos momentos no Angra em sua última turnê, Ricardo Confessori  marcando despedida fez um solo pra deixar muitos de boca aberta, seguido por “Make  Believe”. Deu- se início a parte acústica do show cantando “Late Redemption” (mais uma música que foi bem acompanhada em coro) e “Carry On”.

Ainda foi apresentada “Acid Rain” e “No Pain for the Dead”. Em mais uma conversa Fabio Lione explicou que a música que seria tocada o mesmo gostava muito e anunciou “Spread Your Fire”. E para fechar a noite com chave de ouro a tão aguardada “Nova Era”.

A banda Terra Prima ficou com o cargo de fechar a noite. Muitas pessoas já tinham ido embora e podemos dizer que perderam a chance de ver uma das bandas promissoras para o metal brasileiro. A banda começou o setlist com “Rage”. Seguido por a pancada de peso e melodia “Time to Fly”, música esta bastante conhecida da banda e cantada por muitos no show. Foi apresentada também “Await The Story's End”. A Banda mostra um diferencial muito forte comparado às demais fazendo a mesma destacar-se, Daniel Pinho comandando os vocais apresenta ser um ótimo vocalista na atualidade na cena do Heavy Metal brasileiro, seu potencial de voz melódico faz uma ótima combinação com o peso das guitarras de Otávio Mazer e Diego Veras, completado pelo baixo de Gabriel Carvalho e a bateria de Tiago Guima, respectivamente dois grandes músicos que arrebentam no que fazem.

Terra Prima atualmente encontra-se em produção do seu novo álbum que ainda não tem nome, porém tendo previsão para lançamento em outubro deste ano, o novo álbum está sendo gravado em São Paulo no estúdio Mr. Som, mesmo estúdio que fora gravado o primeiro álbum, sob a produção de Marcello Pompeu (Korzus) e Heros Trench (Korzus). O instrumental foi gravado em abril e o vocal será gravado em julho, segundo Daniel Pinho “o novo álbum traz um mix de influências de todos os integrantes da banda e possui maior influência no metal americano com uma mistura ainda mais ousada de músicas brasileiras e internacionais”. Em Maceió, os fãs tiveram o privilégio de ouvir duas das novas músicas que estarão presentes no novo álbum, “Coming Home” que uma de suas partes vem com uma pegada maracatu, trazendo no som as influências da terra pernambucana. E “Once Upon a Time” com pegada blues sem deixar a essência da banda de lado.

A banda ainda apresentou no set as músicas “And Life Begins”, “SOS” e “Essence”, música que em sua gravação teve como participação o compositor e guitarrista da banda Angra, Rafael Bittencourt. O grupo fechou a noite com “Life Carries On + Hino de Pernambuco”.

O show deixou boa parte do público satisfeito. Fazendo valer a pena aquela noite e pra quem dizia que o Angra deveria acabar respondemos: O ANGRA ESTÁ APENAS COMEÇANDO, como falado por Rafael Bittencourt no DVD Angels Cry 20th Anniversary Tour.  E muitos fãs da banda desejam que não demore muito tempo para voltar às terras alagoanas. Já o Terra Prima mostrou o porquê de está dividindo os palcos com o Angra na turnê pelo nordeste e este apenas o começo para a bandas que será um dos grandes nomes do metal brasileiro.

 

<< Voltar ao Site