Banda: ANDRALLS

Categoria: Thrash Metal

Ano: 2012

Quebra o pescoço, porra!

Aqui temos uma banda que tem estrada e história na bagagem, mas vamos nos deter apenas ao lançamento realizado pela Distro Rock Records, que investiu na ANDRALLS e fez muito bem. O título deste quinto álbum já diz do que se trata - 'Breakneck'. É um thrash de quebrar pescoço, abrir rodas e provocar violência, no bom sentido. Melodias juntas às loucuras de "Under the Insanity" é o que abre o material, muito bem criativo. Os trabalhos aqui foram elaborados por Cleber Orsioli, Alexandre Brito e Eddie C. (o único da formação original).

O material tem um peso absurdo, também pudera, Andralls somada a competência de Fabiano Penna na produção. Tem também uma capa super bem elaborada com as tradicionais ossadas que a banda costuma usar (pelo menos três dos cincos álbuns nos apresentam caveiras já na capa). Pra quem gosta de Thrash Metal corrido (ou como a própria banda chama, Fast), vai curtir o trabalho que esta tradicional banda fez neste 'Breakneck'. Apesar de "Lost in Heaven Found" ser a única com groove, será a música que irei destacar neste material, pois com essa passagem, Alexandre fez ótimos contra tempos e os riffs ficaram bem marcantes. Mas esta é a única música que eles chegaram a fazer isso, pois o restante é cacete.

Como já mencionada a faixa de ataque é "Under the Insanity", que empolga do começo ao fim, com ótimos trabalhos de bateria e riffs escalados. As outras faixas seguem na mesma pegada, sem invencionices e com aquela essência do Sepultura de tempos atrás, principalmente pela voz. E em falar nisso, gosto quando ouço o som da banda e consigo acompanhar no encarte sem muita dificuldade e é o que o novato da banda, Cleber Orsioli, faz aqui. Ele tem um vocal bem inteligível, nem muito gutural nem muito limpo. "Eye For an Eye" é um bom exemplo disso. "Enemy" é mais uma que vou tecer alguns breves comentários. Seguiram a risca a receita, fazendo a música nos remeter ao Destruction e mais uma vez ao Sepultura.

Para música "Policia Asesina" ele foram buscar apoio em Toño e Raul da espanhola banda de grindcore Rato Raro. Esta música já me lembrou muito a famosa Brujeira e uma música que a Disgrace and Terror também fez. O material tem doze faixas e um bônus multimedia, que é o vídeo de "Under the Insanity". Se você não ouviu, tá aí um álbum feito para os thrashes maniacs.

[Facebook] - [venda]

(por Hugo Veikon)

                                               << Voltar ao Site