Banda: ALKYMENIA

Categoria: Thrash Metal

Ano: 2012

Incrível e extraordinário são as palavras que conheço para qualificar este álbum que a banda ALKYMENIA lançou. Um material que contém 10 faixas de Thrash Metal atual com fortes passagens de Death Metal. A banda é oriunda de Caruaru/PE, mas foi no Studio Datribo (SP) que este trio detalhou o CD Dark and Nebulous. Trek foi o Engineer (já trabalhou com bandas tais como: Claustrofobia – Krisiun – Torture Squad – Ratos de Porão – Pandora...)

Gates of Hell é de fato o portal para o inferno e este é o caminho que somos guiados ao dar play na “bolacha”, que pra mim já é considerada uma pérola do Metal pernambucano.

Nebulous Flash fica no juízo – confesso que fiquei com o segundo riff na cabeça por alguns dias –, os solos e pomposos riffs são efetuados por Sandro Silva (único guitarrista da banda) também recheiam as de mais faixas que se seguem.

No decorrer do álbum elas ganham mais grooves e vão sendo blindadas por harmônicas de guitarras que são estupradas pelas lapadas core e beats que o baterista Denis Kreimer executa.

As faixas continuam desta forma e com extensas letras expelidas pelo vocalista e baixista Lalo Kreimer, que exerce as duas funções com excelência – ótimo vocalista e baixista.

A melodia de Carnal Desire é simplesmente desesperadora (esta é digna de um clip, com cenas que remetam as partes líricas). Lalo nesta faixa oscila bem seus dois tipos de voz  por entre as cadências que casam perfeitamente com a música.

Thirst For Revenge começa e termina da mesma forma. Sacrifice in Vain é digna de um circle pit e não é atoa que esta consta no set em show.

Chaotic Religion é mais uma que gostei bastante. Nela tem partes que Sandro Silva faz bases oscilando com harmônicas, algo que ele mostra não ser ilusão de studio, pois o mesmo faz isso ao vivo em show. Denis, baterista, também é merecedor de destaque nesta faixa, por uma criatividade letal em seu instrumento, nem precisou ser complexo ele foi meramente criativo.

O CD vai chegando ao final com Educated to Kill junto com a instrumental Asking for Silence, esta última me fez lembrar Roy Z (guitarrista), assim encerram este formidável material.

O Alkymenia fez um excelente álbum que levará a banda e a cena Metal pernambucana a mais um degrau acima.

Myspace

                                                                              (por Hugo Veikon)

                                               << Voltar ao Site